GUERRA CIVIL EM PINDORAMA. SERÁ? Por Mário Rubial

0
154

Sei não, do jeito que os ânimos estão acirrados, as ameaças entre adversários cada vez mais alarmantes e com um presidente totalmente confuso, apoiado por uma legião de fanáticos que, ao mesmo tempo, se confronta com outra multidão de anti-isto anti-aquilo, corremos um grande risco de haver uma guerra civil. Sabem como é, se derem um tiro e aparecer o primeiro morto, babau!

As redes sociais, desde seu surgimento, desenvolveram e deram voz para que fanáticos e despreparados manifestem suas opiniões de maneira cada vez mais agressivas sobre qualquer assunto. Todos se acham sábios sem nenhum conhecimento básico. E aí, impossível esquecer a célebre frase de Nelson Rodrigues:

“Existem situações em que até os idiotas perdem a modéstia”.

Divulgam notícias sem a devida confirmação, de forma que, em instantes, milhares de pessoas tomam conhecimento de mais uma fake news.

O desconhecimento dos fatos e consequente disseminação de falsas notícias levará este país para um total desmantelamento das instituições que, apesar da barafunda jurídica, ainda protege a sociedade.

Adulteram vídeos apoiados em modernas tecnologias de edição, colocam falas nas bocas dos adversários com alteração do texto, fotos modificadas, uma infinidade de crimes que levam o cidadão comum a uma total desinformação.

E tudo isso ocorrendo num país que tem os melhores e maiores recursos naturais da Terra. Aqui, se você cuspir no chão, nasce uma árvore. Se bater a mão numa lagoa ou rio, pulam montes de peixes. Que mais falta ao Brasil?

Sou leitor assíduo da nossa história. E cheguei a uma triste conclusão: o que não permite este Brasil ser um país de ponta, dividindo suas riquezas igualitariamente, é um negócio chamado IMPUNIDADE! A corrupção é hereditária e se mantém até os dias de hoje. Rouba-se à vontade desde sempre. Quando flagrados e presos, ninguém cumpre pena. Exceção do Sérgio Cabral, que logo irá para sua casa usando uma tornozeleira – talvez de ouro cravejada de diamantes – tendo o delicioso destino de Geddel Vieira Lima e Rodrigo Rocha Loures. Além dos deputados com dinheiro na cueca. Aliás, que lugar de esconder dinheiro!

Conselhos de ética dos parlamentos, STF, STJ, PGR e outras servem para nada. Rigorosamente nada. Os processos duram uma eternidade até sua prescrição.

Talvez a solução seria arrendar o Brasil para países como o Japão, Coreia do Sul ou Israel que fazem milagres com uma “tirinha” de terra.

Pobre Brasil!

FRASE DE BOTECO

A burrice no Brasil tem um passado glorioso e um futuro promissor.

ROBERTO CAMPOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor digite seu nome aqui

8 − cinco =