CORNO POLÍTICO por Mário Rubial

CORNO POLÍTICO por Mário Rubial

155
0
COMPARTILHAR

Votei pela primeira vez em 1962, aos 18 anos.

Orientado pela família, cravei Ademar de Barros para Governador de São Paulo, e Auro de Moura Andrade para Senador. Este último tinha algum relacionamento com a família, se bem me lembro.

Desnecessário falar do Ademar, o famoso “rouba mas faz”.

De lá para cá, colecionei várias decepções eleitorais. E, para não fugir à regra, estou sendo corneado pelo João Dória.

Sim, fui naquela conversa de gestor, do não político etc.

Mal acabou de ser empossado, o distinto passou a se dedicar, integralmente, a viabilizar sua candidatura  para presidente e,como não achou espaço, tenta ser governador. E imagino, caso vença a disputa, imediatamente se candidatará a Secretário Geral da ONU!

Moro em São Paulo desde 1944, ano que nasci. Uma das maiores metrópoles do mundo. E  enxerguei no Dória o homem capaz de uma gestão brilhante. Mas, como podem atestar, fui corneado.

Que baita engano! Por causa dele acabo de decidir, e danem-se as opiniões em contrário,  não votarei em mais ninguém.

Tivesse nosso país uma legislação penal pra valer, o Dória estaria sendo processado por mentir a uma cidade inteira.

Nosso grande problema é que o Código Penal data de 1940. Sim, algumas adaptações foram feitas na tentativa de modernizá-lo frente aos novos tipo de delito, mas, no fundo, nada é cumprido. Nem vou me alongar nessa questão porque as notícias sobre essa frouxidão penal pipocam às dezenas, diariamente. Vale a pena ser bandido.  Basta dizer que a pena máxima é de 30 anos.  Ou seja, se você matar uma pessoa, duas ou vinte, cumprirá 30 anos. Legal, né? Isso sem falar nas atenuantes. Bom comportamento, algum curso etc., pode-se sair da cadeia em 5 ou 6 anos.

Em 518 anos, não conseguimos criar uma identidade nacional. Não amamos nossa pátria. A formação do povo brasileiro não deu certo. Nem vou me alongar nesse comentário, porque demoraria horas na argumentação. Mas quem estiver interessado recomendo os seguintes livros:

RAÍZES DO BRASIL – SÉRGIO BUARQUE DE HOLANDA

O POVO BRASILEIRO – DARCY RIBEIRO

OS DONOS DO PODER – RAYMUNDO FAORO

Está tudo lá.

Desculpem-me os otimistas, respeito todos eles. Mas o meu saco encheu!

Que as novas gerações cuidem deste país, que deveria ser a maior potência do planeta.

DICA DE BOTECO

ITAMARATI

Rua José Bonifácio, 270 Centro

SAMPA

Telefone – 11 3241-4929

Restaurante tradicional, antigão mas competente.

Vale a visita.

FRASE DE BOTECO

É verdade que existem vários idiotas no Congresso. Mas os idiotas constituem boa parte da população e merecem ser bem representados.

Hubert Humphrey

SEM COMENTÁRIOS

Comments are closed.